Publicado: Janeiro 2021

Última Atualização: Junho 2024

Aconchego Rural

O Aconchego Rural é uma forma de turismo que se desenvolve em áreas rurais, muitas vezes em comunidades pequenas e afastadas dos centros urbanos. Ele envolve atividades que permitem aos visitantes vivenciar e interagir com a vida no campo, como agricultura, artesanato, culinária local, atividades ao ar livre, entre outras.
Geralmente, os turistas buscam experiências autênticas e contato com a natureza, fugindo do ambiente urbano, para aproveitar a tranquilidade e a beleza das áreas rurais. O tipo de turismo também pode contribuir para o desenvolvimento econômico das comunidades locais, pois promove a preservação cultural e ambiental.
O objetivo é fortalecer as famílias rurais, principalmente as que estão em condições de vulnerabilidade e inércia social, por meio da entrega de serviços essenciais da Emater Goiás. Além disso, promover a geração de renda e empreendedorismo das famílias atendidas, por meio de um conjunto de políticas públicas voltadas a este público.

Segmentos do Turismo Rural:

• Agroturismo;
• Degustação de Produtos Locais;
• Turismo de Base Comunitária;
• Oficinas de Artesanato;
• Turismo Gastronômico;
• Eventos Culturais e Festivais;
• Turismo de Experiência;
• Observação de Fauna e Flora;
• Turismo Técnico-Científico;
• Turismo de Aventura;
• Roteiros Gastronômicos.

Metodologia:

• Programas de Educação Ambiental;
• Articulação institucional;
• Mapeamento do potencial turístico.

Resultados Esperados:

• Engajamento comunitário;
• Diversificação econômica;
• Desenvolvimento de roteiros turísticos;
• Preservação cultural e patrimonial;
• Infraestrutura e serviços turísticos;
• Conservação ambiental;
• Capacitação e qualificação profissional;
• Desenvolvimento local/ regional;
• Marketing e promoção Ações;
• Desenvolvimento das comunidades locais;
• Promoção do intercâmbio cultural e social.

Ações:

• Geração de renda local;
• Hospedagem em Fazendas e Casas no Campo (Aconchego Rural);
• Criação de empregos;
• Estímulo ao empreendedorismo;
• Passeios e Trilhas Guiadas;
• Desenvolvimento de infraestrutura;
• Atividades Agrícolas Participativas;
• Estímulo ao desenvolvimento agrícola.