Publicado: janeiro 2021

Última Atualização: janeiro 2021

Rede de Inovação Rural (RIR)

A Rede de Inovação Rural (RIR) é uma metodologia voltada à gestão da propriedade por meio de assessoria técnica agropecuária e comportamental, personalizada, continuada e em rede, junto às famílias, comunidades e grupos de produtores rurais, contemplando ainda suas organizações produtivas.
A RIR surge da necessidade de ampliar o alcance da atuação da Emater a mais e mais agricultores familiares num cenário em que não há, na mesma medida, o aumento do número de profissionais atuando nessa função na instituição. Outra necessidade era a de prestar assistência continuada, diferentemente da assistência técnica pontual e sob demanda sob a qual se fundamenta a atuação cotidiana da Agência no campo.
Assim, a RIR tem a missão de promover um atendimento de qualidade junto às famílias rurais, porém de maneira diferenciada da convencional: de forma continuada e envolvendo toda a comunidade em uma grande rede de compartilhamento.

Atuação

Para isso, a RIR estrutura arranjos de cooperação técnico-econômica e social por meio de assessoramento programado, agregando o conhecimento à proatividade dos produtores, grupos e comunidades, proporcionando inovação no espaço rural e, consequentemente, o aumento de renda e melhoria da qualidade de vida das famílias rurais goianas.
A finalidade da RIR é a de que os produtores se empoderem através dos conhecimentos adquiridos e possam ser protagonistas de seus próprios destinos promovendo, através da gestão da propriedade, a geração de renda e a melhoria da qualidade de vida das pessoas envolvidas na atividade.



Comunidade

A comunidade é a organização de grupos de famílias de produtores rurais, reunidos estrategicamente, que apresentam certo grau de afinidade e que partilham de um interesse comum. Cada grupo compreende em torno de 10 a 20 famílias, quantitativo que, em um processo de construção, favorece o desenvolvimento do trabalho de assessoramento técnico.


Resultados

Desde a sua implantação, em 2017, a RIR atendeu 439 produtores rurais em 39 grupos distintos. Nos anos de 2017 e 2018 a renda bruta dos produtores atendidos somaram em R$ 28.053.624,00 e R$ 31.279.421,21, respectivamente. Assim, o crescimento da renda bruta das famílias de propriedades rurais atendidas obteve crescimento em 11,50%. Considerando a renda bruta de R$ 36.719.472 em 2019, chegamos ao aumento de 30,89% após dois anos da aplicação da metodologia.

Acompanhe o resultado detalhado de cada município